Escrito por Damaris de Angelo, no IdeiaFixa.

Elisa Riemer é artista gráfica e colagista de Paranavaí, uma cidade do Paraná, pertinho de Maringá.

Trabalhando com cultura pop, festivais, músicos e no cenário de militância feminista e LGBT, recentemente a artista produziu o NOSOTRAS Tarot, seu primeiro Deck de Tarot feminino, que foi completamente viabilizado por financiamento coletivo. Inclusive, ele foi o primeiro Tarot brasileiro feito por mulher.

“Além disso, todas as cartas do baralho falam sobre o arquétipo feminino e as vivências que temos dentro dessa perspectiva. O processo de criação desse baralho foi de muita transparência e paciência, uma viagem para dentro de mim e das minhas próprias limitações. As cartas foram se abrindo a seu tempo e, conforme me autorizavam, eu conseguia construí-las.”

3ae6fad1ffd70d380c8738872ce1347f.jpg

3bd4ad6f2efb6056b5527bbc8be1e1f2.jpg

 

“O Tarot e cada uma das suas cartas alterou minha relação com meu inconsciente e com minha intuição. Fazendo esse baralho eu aprendi a valorizar essa intuição e a perder um pouco o controle. Aprendi que não posso intervir na linha do tempo, que tudo vem na hora certa, que preciso confiar e entregar. Senti que minha grande missão com o Tarot era materializá-lo de uma outra forma, uma forma que nunca havia sido feita, a minha forma.”

simulaçãoa.jpg

 

2ce12f66fd5d5df95516dbbede39df22.jpg

 

c61c194d337c297405cb039267f09e53.jpg

 

c3572a9eefa28880278a14f8c6e9ee55.jpg

 

febe46f14f9ab6bf1924353bc74f583e.jpg

d1ad9349f71aafca199ec3ea56335836.jpg

 

e0535aa8ca25e63408736daa222f11b5.jpg

 

00cbe77956507d5139cfd43b7462f641.jpg

08bc4804be789c9424f67818d50d7d1f.jpg

 

71d91ddfd95e019e7abd41a6dc09ae40.jpg

 

3476ab4f40f7cf802f9fed314b871ed3.jpg

Anúncios